top of page

Serestas de 0 a 100

Desde o mês de abril de 2022, os distritos de de Acuruí, em Itabirito, e Galego, no município de Santa Bárbara, vêm sendo contemplados, semanalmente e quinzenalmente, respectivamente, com o projeto Serestas de 0 a 100. A iniciativa entende que a Seresta é uma das mais fortes tradições do interior brasileiro e propõe que a prática seja rebatizada, de modo que a cantoria popular das cidades

se transforme em um hábito.


Neste sentido, para que esta genuína manifestação cultural brasileira não se perca, o projeto implantou nos distritos escolhidos, a prática seresteira a partir da estruturação de Grupos de Serestas. Nos encontros, os envolvidos estão trabalhando exercícios de aquecimento e técnica vocal, pesquisa de repertório e estudo dos textos, melodia e interpretação das peças selecionadas, por meio

dos ensaios acompanhados de instrumentos típicos da seresta, como violão e pandeiro.


bottom of page